Preencha os campos abaixo para submeter seu pedido de música:

Campinho pede resposta de PGR a perseguição do governo a servidores

Compartilhe:
bernardo_campinho_1170x530

O advogado constitucionalista e professor de Direito Público da Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro (UFRRJ) Bernardo Campinho atacou a lista produzida pelo Ministério da Justiça com nome de servidores públicos que se declararam antifascistas, atestou o perigo de perseguição político-ideológica e afirmou que episódio testa limites da lealdade institucional do Procurador-Geral da República Augusto Aras.

 

Ouça a entrevista de Bernardo Campinho:

 

Deixe seu comentário:

Baixe nosso App

Baixe nosso App

Mural de Recados

Deixe seu recado

Para deixar seu recado preencha os campos abaixo:

Para:  
E-mail não será publicado
(mas é usado para o avatar)